TAG: O’CLOCK – Writer Francês

[dropcap]O[/dropcap]’Clock é um tagger/bomber francês, da região de Paris. É frequentemente considerado como um dos caras mais produtivos e criativos da história do graffiti parisiense.

BIOGRAFIA

Originalmente de Val-de-Marne, começou em1989 com a prática, observação e trabalho literário com outros grafiteiros. Em 1995 , ele começou com a tag de O’Clock e decide continuar seu trabalho de maneira ilegal. Durante sua atividade foi membro de grupos diferentes como: 156 crew (originalmente coletivo internacional de Nova York ), 73 (EF), LT27 (grupo ativo em Paris, entre 1997 e 2002 ), YKS e P2B nos últimos anos. O’clock é um artista de graffiti com uma reputação máxima, muito ativo na região de Paris, também deixou a sua marca em toda a França e em outros lugares do mundo: Amsterdã, Roterdã, Barcelona, Londres, Berlim, Bochum, Roma, Liège, Bruxelas, Namur, Hong Kong, Nova Iorque, Boston, Oslo, Trondheim, Estocolmo. Após sua condenação pelos juízes franceses e americanos, ele decidiu parar suas atividades ilegais para perseguir outros projetos artísticos, depois de sete anos de intensa atividade na rua e nos depósitos.

ESTILO

Um cara multidisciplinar. Ele define seu estilo como “muito clássico e de fácil leitura, com uma grande parte da improvisação e da renovação dependendo do seu humor, apoio e lugar. Ele gosta de improvisar, para confiar nos seus instintos. Sente a atmosfera, avalia a urgência da situação e adapta as idéias que passam pela sua cabeça. Prefere um estilo “clássico”, mas não repete a mesma marca para sempre se renovar, com o elemento surpresa, mudança e novidade. “Não há um, mas as receitas que funcionam.”

CONCLUSÃO

Esta ai um cara que faz o trabalho de uma crew completa, ficou biff louco, passou, ficou parado, sozinho contra muitos. Além disso, ele foi um verdadeiro inovador, sempre empurrando seu estilo, nunca fazendo duas vezes o mesmo e era um escritor completo praticando técnicas como: tags, throw ups, e destruindo pieces, trens, metrôs, caminhões, cidades e até países. Até minha mãe sabe o nome dele, eu tenho certeza que você também.[tabs][tab_item title=”Referências”]Conteúdo retirado de: http://www.complex.com/[/tab_item][/tabs]

Sobre nakedz

Somos uma grande troca de experiências de quem sonha e tenta salvar o mundo.
Esta entrada foi publicada em Blog, Street Art, Vandal e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *